Por que eu faço pão?

Sempre fiz pães. Claro, não como hoje, pois atualmente me aperfeiçoei no processo de produção artesanal de pães de fermentação natural, e de longe os pães são melhores quando comparados aos que eu fazia antes. Mas, por que eu faço pães?

O pão é, sem dúvida, um dos alimentos mais antigos do mundo. Acredito ser também o mais democrático. Difícil imaginar alguém dizer que não gosta de pão. Vai um pão com ovo? Com mortadela então? Um pudim de pão? Quem sabe uma fatia simples com manteiga e café? Enfim, as combinações são inúmeras e se curvam ao gosto do consumidor.

Faço pães por isso. É fácil agradar com um pão. Ele não é somente um modo de alimentar, é também modo de expressar, ele diz – Me importo com você!

Pensa bem na sensação. Um amigo seu vem à sua casa e traz um pacote de pão de forma comprado no mercado. Agora, em outro cenário, o mesmo amigo vem à sua casa e traz pra você um pão de fermentação natural, rústico, lindão. É diferente, não é!? Muito diferente. Pão de verdade requer tempo, e aí eu te pergunto – Quem dedica tempo a você hoje?

Faço pães porque gosto das pessoas. Faço pães pois amo a minha família. E também faço pães em troca de “leite”. Sim, leite. Não tenho vergonha alguma de assumir que, neste momento de pandemia, me reinventei, descansei a câmera, arregacei as mangas e fui produzir pães para complementar a renda em casa. Pra mim isso foi um baita orgulho.

Faço pães pois me importo…

E você!?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: